Porque não sou neopentecostal



“Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho; O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo. Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.
Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi evidenciado, crucificado, entre vós?”

(Epístola de S. Paulo aos Gálatas 1:6-8; 3:1)

Todo o evangelho descentrado da cruz do Calvário, e que não passa pelo senhorio de Cristo, é espúrio e deve ser rejeitado. Da mesma forma como as propostas do deus-morto ou do deus-limitado, sugerido por muitos outros.

O neopentecostalismo é uma praga, uma verdadeira pandemia surgida nos meios cristãos, que tem arrastado multidões, enganadas e manipuladas por falsas promessas e doutrinas heréticas. Tem semelhança com o Cristianismo mas nega a sua essência. Essas auto-denominadas igrejas não
passam de seitas neo-pagãs, de fachada cristã.

Há um conjunto de razões pelas quais não sou neopentecostal:

1.    Porque o neopentecostalismo ensina a ineficácia do sangue de Cristo. Os seus pregadores proclamam um falso Jesus, cuja competência salvífica não garante ao homem convertido a libertação das maldições. Tais líderes promovem campanhas milagreiras recorrentes para retirar encostos, quebrar maldições e forçar Deus a dar-nos o que nos pertence, por direito próprio. Nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, os quais foram libertos de quaisquer maldições passadas, conhecidas ou não, pelo poder da cruz e do sangue de Cristo, que nos livra de todo o pecado e encerra em si mesmo toda a maldição que antes estava sobre nós (Rm 8:1).

2.    Porque defende revelações particulares e baseia as suas práticas em experiências pessoais, visões, sonhos e outro tipo de revelações à revelia das Escrituras, que são o fio-de-prumo do cristão.

3.    Porque mistura, com o seu já desequilibrado corpo de doutrina, práticas do Oculto, alheias ao Cristianismo, e próximas do umbanda e outros ritos de origem africana.

4.    Porque constitui um sistema de manipulação de massas, apelando a uma postura acrítica e seguidista.

5.    Porque infunde um sistema de medo, com base numa teia de demónios para cada situação. Para o neopentecostalismo tudo são demónios.

6.    Porque promove a infantilidade espiritual
, ao culpar sempre os demónios pelos problemas de um carácter não sujeito a Cristo, em vez de lidar com eles, e por fazer do chamado “descarrego” uma prática corrente e recorrente.

7.    Porque intimida e controla os fiéis e prendendo-os à organização através da teoria da “cobertura espiritual do ministério” sem a qual seriam destruídos pelo diabo.

8.    Porque, ao contrário do apóstolo Paulo, não prega todo o conselho de Deus
, nem instrui o povo sobre as verdades espirituais e sobre a realidade da vida.

9.    Porque distorce a teologia do sofrimento
, como se este não fosse inerente à condição humana e ao percurso cristão. A natureza criada participa das dores, angústias e consequências da Queda, e aguarda com ardente expectativa a manifestação dos filhos de Deus (Rm 8:19-23).

10.    Porque se aventura por caminhos de cura emocional
, ainda por cima sem preparação técnica, em rituais de tipo pseudopsicológico, como por exemplo, regressões ao útero materno e libertação do perdão a Deus, através de uma praxis alheia ao Evangelho, às Escrituras e ao testemunho dos Apóstolos.

11.    Porque desenvolveu um sistema de verdadeira extorsão do povo
, baseado em falsas promessas e curas forjadas, que provoca uma lavagem cerebral que faz o pobre entregar até seu último centavo em busca de redenção.

12.    Porque desvaloriza as Escrituras. Os líderes dão pouca importância ao conhecimento das Escrituras, servem-se delas apenas na qualidade de repositório de exemplos.

13.    Porque faz do centro de adoração uma farmácia
onde as pessoas se limitam a ir buscar o que precisam, a cada momento, desconhecendo o sentido de corpo espiritual, que se caracteriza por vertentes como a partilha, a entreajuda e o testemunho.

14.    Porque não prega a adesão a Cristo e o senhorio deste
, mas sim uma mera negociação entre as partes, fazendo de Deus um negociante interesseiro e cruel.

15.    Porque semeia a superstição pura.
São por demais conhecidas práticas como o sabonete de arruda, o caminho do sal, a travessia do rio Jordão, o manto dos milagres, a rosa ungida, o copo de água, e tantos, tantos outros.

16.    Porque despreza a Graça de Deus no processo de Salvação e edificação do crente.
Devido à suficiência e plenitude da graça de Cristo, não necessitamos de quaisquer sacrifícios ou negociações para alcançar a salvação e favores de Deus (Ef 2:8-9). Porque ignora a suficiência da Graça na totalidade da vida cristã, donde decorre o princípio de que não há nada que possamos fazer para “merecer” a atenção de Deus (Rm 3:23; 2 Co 12:9).

17.    Porque propõe, na prática, uma espécie de neo-maniqueísmo.
O sacerdote persa Mani (também conhecido por Maniqueu, séc. III) pregava a existência de duas divindades igualmente poderosas, a benigna e a maligna, que se combatiam mutuamente. O neopentecostalismo, na prática, ressuscita esta velha doutrina.

18.    Porque influencia o individual em detrimento do colectivo, em oposição ao princípio bíblico vivido pela igreja primitiva, de que “ninguém considerava exclusivamente sua nem uma das coisas que possuía; tudo, porém, lhes era comum” (At 4:32).

19.    Porque não evidencia as boas práticas de prestação de contas
à comunidade local de fé, revelando assim falta de transparência nas coisas de Deus.

20.    Porque evidencia um estilo de liderança anticristão e antibíblico
, que não se coaduna com os princípios bíblicos de liderança espiritual.

Conclusão
Por tudo isto e muito mais, o neopentecostalismo não passa de um neopaganismo de fachada cristã.
Dir-se-á que algumas das características acima descritas são igualmente visíveis noutros sectores religiosos (e até políticos). Pois bem, o neopentecostalismo é uma corrente religiosa pós-moderna, de inspiração cristã, mas que não pode ser considerada protestante nem evangélica, dado o facto de as suas doutrinas e práticas não configurarem tal identidade.

Advertisements

16 comentários a “Porque não sou neopentecostal”

  1. Meu caro Amigo, como deixei escrito no «Papéis», este artigo é da alma e da razão. Bom! Oportuno, como oportuna é a campanha que se possa fazer contra essa praga…
    Um abraço
    J.

  2. Condordo com todos os pontos de vista expressos, digo mais; tem sido em grande parte temas que abordo – principalmente a ficção das “guerras espirituais” – e que procuro preparar a igreja para estes erros doutrinários.

    No, entanto, considero benéfico o contributo de muitos homens e mulheres de Deus – hoje apontados como neopentecostais – deram para o panorama cristão.

    Penso até que, alguns dos exageros em que se caiu, resultam de uma reacção positiva aos erros graves do pentecostalismo tradicional, apesar de, isto não desculpar os extremos nem os abusos.

    Congratulo-te pelo texto e espero que desperte uma reacção pró-activa para educar e incentivar os cristãos na generalidade, a fortalecerem as suas convicções com uma teologia forte e saudável.

    Espero que os apoios ao texto resultem na alteração de comportamentos e se comece a valorizar o estudo da Bíblia, a teologia e todas as disciplinas que enaltecem o conhecimento doutrinal.

    Bem-haja

    João Pedro Robalo

  3. Provavelmente escreverei outros textos a abordar outro tipo de posturas altamente limitadoras do Evangelho, que se verificam inclusivé no meio pentecostal tradicional.

  4. Suas razões por não aderir a esse neopentecostalismo são fortes e de certo é um manifesto de alguns milhares aí representado. Sou grato por “abrir os olhos” de quem lê este artigo, porém existe ainda cegos que não querem enxergar, mas nada melhor que um bom “ponto de vista”

  5. Obrigado meu caro amigo. Concordo plenamente no que foi escrito sobre ‘Porque não sou Neopentecostal’. Deus abençoe e ilumine para dar à estampa mais trabalhos deste género. Abraço.

  6. Não passa de um artigo preconceituoso, fundamentalista, tendencioso, e totalmente distorcivo em relação aos neopentecostais.
    Se for por esse ponto de vista, o pentecostalismo é uma bizarrice e histerismo coletivo!!!
    Retetes, sapatinho de fogo,profetadas,capa da unção, cair pelo poder(fanerose) sono do senhor, unção do riso, etc etc. O uso da emoção em detrimento da fé conciente, o uso do mesticismo em detrimento da doutrina de Cristo.Quem tem telhado de vidro, não joga pedra no teto dos outros. Tem cristão que adora apontar o dedo nos outros, mas não vêem seus defeitos.
    MT 7.1-2

  7. Os argumentos do seu comentário não colhem, por quatro ordens de razões.
    Primeiro porque o artigo não é opinativo mas factual.
    Segundo porque os exemplos que apresenta de “pentecostalismo” nada têm que ver com ele. São bizarrias mais frequentes nas igrejas carismáticas do que nas verdadeiramente pentecostais. Terceiro, porque, ainda que assim fosse, não se pode tapar um erro com um erro ainda maior.
    Quarto, porque não se pretende apontar o dedo a ninguém, mas sim denunciar o erro e defender a verdade.
    Sobre a “capa da unção” (que citou), ver: https://ovelhaperdida.wordpress.com/2009/08/24/a-uncao-de-elias/
    Sobre a “Bíblia da prosperidade”, ver: https://ovelhaperdida.wordpress.com/2009/08/17/a-biblia-da-caca-ao-tesouro/

  8. Olá meu querido, gostei tanto do texto que pesso sua autorização para posta-lo em meu blog, recebi o texto de um amigo e sai a procura do autor, parabens.

    Sou pentecostal e tenho ficado hororizado com o desvio que algumas igrejas estão tomando.

    Após 25 anos de conversão, sendo que fui agraciado por Deus com o dom de línguas desdo meu 16 anos, hoje sou membro de uma igreja denominada tradicional, pois ouso as pregações do contexto bíblico e isso não me impede de fazer minhas orações em língua estranha, pois entendo que essa manifestação é para minha própria edificação. é o único dom do Espírito Santo que é para a edificação própria, sendo que todos os outros são para a edificação do corpo.

    Devemos fazer tudo em ordem e descência.

    Em Cristo,

    Abraços.

  9. Pode editá-lo no seu blogue, sim, desde que mencione o autor (Brissos Lino) e a fonte (meu blogue).

  10. Pessol, eu vejo de outra forma.Muitos acha que esta nima doutrina certa, mais doutrina quem criou foi o homem sabemos que tem varios absurdo por ai em varias doutrina Pra mim o que vale e que vidas estãi sendo resgatada para o Nosso Senhor Jesus Cristo,
    Claro que muitos Lideres evangelcos vão te que presta conta para Deus. eu vejo o neopetecosta como povo estrategicos, os tradicionais tem um ouco de pontinha de inveja dos neo, eu falo apesar de ser tradicional e conheço muito gente que foi alcaçado por esse movimento e tem cido uma benção………eu vejo mudança de vida.

  11. Amigos, realmente há pessoas que ao frequentarem estas seitas querem mudar de vida e passam a viver de uma forma diferente, mas não há como a pessoa se modificar à si mesma , quem o faz atravez de nós é o Senhor Deus. Quando tentamos modificar os nossos atos pelos nossos próprios esforços acabamos por tentar fazer uma coisa que nos é impossivel para nós e que só nos trará sofrimentos à nós mesmos. Deixemo-nos ser modificados pelo poder gracioso de Deus e esprementaremos da maneira mais maravilhosa o dom da salvação que nos é dado gratuitamente e que nos faz vivermos a vida abundadnte que Deus nos quer dar. Abraços, irmãos.

  12. Um dia desses ouvi um bem informado padre dizer que neopentecostalismo é uma linha religiosa que permeia todas as religiões cristãs(inclusive a católica), onde acreditase que o Espírito Santo age e transforma toda a vida da pessoa.É uma religiosidade perigosa, alienante e individualista.
    Acredita-se que, se o Espírito Santo me protege não acontecerá, por exemplo, nenhum acidente comigo.Então como se fica os acidentes , as doenças , o desemprego,….

  13. Marketing de Rede.Nada mais do que isso.
    Aguardo o dia em que essa praga seja proibida no Brasil.
    Isso teve inicio nos USA, e nada mais eh do que uma Piramide de Negocios Religiosa. Aquelas piramides que de vez enquando aparecem e onde cada novo membro tem de apresentar mais 3 e assim por diante. A estrutura eh a mesma. Os gerentes ou os pastores iludem a massa com tecnicas de lavagem cerebral Mais uma vez os americanos descobriram um marqueting de arrancar dinheiro de incautos. Sera que nao tem um
    jeito de isso ser proibido? As piramides, ou seja, o marketing de rede, ja e, mas funciona mesmo assim pela influencia de politicos interessados. Mas nao sei como ainda ninguem se tocou que essas igrejas obedecem ao mesmo preceito das Piramides de negocios.
    O pior de tudo eh que atraves da lavagem cerebral, os adeptos se tornam fanaticos e todos sabem aonde o fanatismo pode levar. Um horror, e quando se vc idolos que exercendo sua influencia no povo, como jogadores, etc, chega a ser criminoso. Me pergunto: esse jogador que incita o povo nessa loucura eh muito burro ou eh socio dos bispos? Revoltante e nojento.

  14. pessoal….não generalisa,pq não são todas igrjas neo qu são assim tá
    sou prova disso
    graças aaa essas igrejas fui mudado
    e DEUS não acabar só pq vcs querem ele ssabe o melhor,e ele sabe ‘que esse horrivel neopentecostal’ e que ajudaou a salvar muitas VIDAS

  15. Gostei muito do seu post. Acho interessante saber sempre mais sobre tudo que tem aver com o evangelho apesar de ser de uma igreja neo. Eu vejo muitas coisas que não concide com a igreja de deus mais também vejo verdadeiras mudanças dentro do neo .

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s