“Quando as pessoas não se revoltam, é que se suicidam”

 

foto1

Coimbra de Matos é um psicanalista sui generis. Afastou-se da importância do passado e dos sonhos nocturnos (“são um trabalho de memória”) na teoria psicanalítica clássica, preferindo centrar-se no futuro. 

Em entrevista ao jornal Público, pela mão de Carlos Vaz Marques, António Coimbra de Matos defendeu a ideia de que o aumento do suicídio em Portugal não se deve propriamente à crise, mas sim à forma como a enfrentamos: “Há um trabalho célebre, um trabalho seminal, em que o pai da Sociologia, o Durkheim, verificou que quando há guerras e revoluções a depressão e os suicídios diminuem porque as pessoas se revoltam. Quando as pessoas não se revoltam, é que se suicidam; quando se sujeitam, quando não têm condições para protestar com mais veemência.”

Justifica o facto de os portugueses serem um bocado passivos, “somos um país de medrosos”, com o facto de o poder em Portugal ter sido sempre menos violento: “isso não facilita a revolta”.

Noutra entrevista considera os portugueses inseguros, imaturos, praticantes da transgressão na sombra, além de desorganizados, individualistas, garbosos, disponíveis, “esperamos do chefe, do pai, do protector, que decida por nós, que assuma a responsabilidade por nós, que saiba sempre a resposta.”

Discorda da ideia de que as sociedades progridem por competição, mas sim por colaboração: “Não é nos períodos de guerra que se fazem as grandes descobertas, é nos períodos de paz.”

Defende que as coisas evoluem mais na base da investigação do que na acumulação de conhecimentos.

E sobre a “bíblia” das doenças e perturbações mentais e emocionais, o clássico DSM (Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais) é categórico: “DSM é uma porcaria. Aquilo é um catálogo condicionado pela indústria farmacêutica para venderem mais medicamentos.” “Todos temos lá um lugarzinho” adianta o jornalista, ao que Coimbra de Matos responde: “Sim, sim. E um medicamento apropriado.”  J B-L

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s