Se eu me chamasse Constança

Resultado de imagem para constança urbano de sousa

 

Se eu me chamasse Constança e a oposição andasse a sugerir a minha demissão de ministra, devido à catástrofe de Pedrógão Grande, se enviasse o grilo falante do PSD (mais conhecido por Marques Mendes) pedir directamente que me fosse embora, eu diria que sim.

Mas primeiro teriam que começar por me provar que, em 26/11/2015, na data de posse do actual governo:

O governo Passos/Portas tinha entregado o SIRESP a funcionar perfeitamente;

O governo Passos/Portas tinha entregado uma floresta ordenada;

O governo Passos/Portas tinha entregado uma floresta com predominância de espécies autóctones e sem sobrecarga de plantação de eucaliptos;

O governo Passos/Portas tinha entregado um interior ocupado e não desertificado;

O governo Passos/Portas tinha entregado um país em que os proprietários florestais privados mantinham a sua floresta sempre limpa;  

O governo Passos/Portas tinha entregado um país em que os proprietários das casas e empresas privadas mantinham as suas propriedades sempre limpas de mato à volta, no perímetro mínimo de 50 metros, de acordo com a lei;

O governo Passos/Portas tinha entregado um país em que todas as estradas mantinham as bermas limpas e sem árvores no espaço previsto na lei.

Se assim fosse, demitia-me. Mas como não é, o que podemos concluir é da responsabilidade de todos os governos nos últimos 40 anos. Sem excepções. A verdade é que, apesar de todas as conquistas sociais – e foram muitas e significativas – o país não foi capaz de travar a desertificação do interior e o desequilíbrio territorial, com todas as consequências que tal facto acarreta.

Pedir a demissão dum governante, nesta situação e nestas condições, é pura demagogia.

Mas para já, Passos Coelho ultrapassou todos os limites ao afirmar ter havido suicídios na sequência da catástrofe, que simplesmente não existiram. Terá sido induzido em erro, mas um ex-primeiro-ministro têm a obrigação de confirmar as fontes antes de produzir afirmações tão graves. Não vale tudo. Estamos à espera de ouvir o seu pedido de desculpas.

Como disse João Quadros “O Passos que diz que pessoas se suicidaram por falta de apoio psicológico, é o mesmo Passos que tirou os apoios as crianças do ensino especial”. E eu acrescento, e foi o mesmo Passos que promoveu a pobreza dos socialmente mais vulneráveis quando governava. Quantos se terão então suicidado?

Anúncios

33 comentários a “Se eu me chamasse Constança”

  1. Quando estou de urgência e encontro uma senhora internada do dia anterior o mais correto é tratá-la e não deixar morrer porque não fui eu que a internei ! Ou seja independentemente da cor política e do feito anteriormente esta desgraça não pode ficar impune ou repetir-se ! Penso mesmo que são crimes por negligência do estado ! De todos ! E algo tem que ser feito agora ( que não é discutir o anterior seguramente )

  2. Precisamente. Responsabilizem-se todos os que por lá passaram nas últimas décadas. Todos são co-responsáveis, tanto pelo estado da floresta como pelo SIRESP. Nenhuma dessas coisas surgiu agora.

  3. Esta gente não tem vergonha!
    Responsabilidades? Têm todos!
    Não é importante “caçar as bruxas”!
    Infelizmente, já nada pode ser feito para evitar as 64 vidas que se perderam e os prejuízos das famílias das zonas afectadas!
    Importante é estudar e tomar as medidas preventivas que evitem a repetição dessas desgracas.
    Castiguem severamente os incendiários, ponham termo ao negócio criminoso da indústria dos fogos!

  4. Sim, tudo isso é verdade mas infelizmente em 2011 o governo recebeu um País falido,fruto do trabalho de 6 anos de um suposto engenheiro (com letra minúscula para não ofender a classe da qual faço parte). Isso sim foi o real problema que querem fazer esquecer! Devo no entanto dizer que hoje a ministra demonstrou ser uma pessoa de carácter. Provavelmente o melhor membro do actual governo.

  5. No 1° parágrafo a seguir às citações “Passos/Portas”, está bem expllícito q a culpa é de todos os governos q por lá passaram, de há 40 anos p cá, todos são responsáveis, sem excepções…e agora, digo eu, tb estes já deviam ter actuado, depois do q aconteceu no ano passado na Madeira…mas infelizmente, as prioridades foram outras…
    Despois desta tragėdia, esperemos q se acabe c toda a trafulhice q tem pairado ao longo dos anos, enchendo os bolsos de muitos, q tenham a coragem de acabar definitivamente c tantos lobys q se criaram!

  6. Da leitura do texto depreende-se que a ministra tem a pasta há semanas e a culpa é dos grilos falantes, do “suicidio” de passos . Fait divers que o autor “usa” para ocultar a falta de trabalho de uma ministra, sem poder e sem capacidade para organizar a casa. E sim, teve tempo para tal.

  7. Concordo plenamente.Não tenho informação bastante pata criticar a ministra,que tem sido muito contestada, primeiro pela GNR (sobre o seu estatuto)a PSP (sobre as carreiras) mas o que todos sabemos é que nenhum governo anterior fez o que lhe competia-cumprir e vigiar as leis,mesmo as que necessitariam de aperfeiçoamento, de as fazer cumprir.Não falem os tontos que puramente acabaram com os Guardas Florestais,que por motivos econômicos acharam que era matéria sem grande impacto político, que retiraram do interior populações e serviços
    Os mortos uma vez mais não vão perdoar a incúria e assim seja para que os vivos os condenem por todas as formas

  8. Cara Rita Garriapa o seu comentario não faz qualquer sentido. Ninguém , deixa morrer ninguem, a menos que não haja nada mais a fazer e se deixe morrer, em tranquilidade e paz com acompanhamento.

  9. Portanto eu como responsável máximo se algo correr mal atribuo as culpas ao meu antecessor pois….
    infelizmente é assim em Portugal a culpa é sempre dos outros.
    A sério, Siresp, Protecção Civil correu tudo bem, siga para bingo e as populações que se amanhem, sim porque só agora começou os próximos anos vão ser duros naqueles concelhos já dos mais pobres e envelhecidos, onde o futuro não augura nada de bom.

  10. E que tal pedir que “Sócrates deveria ter entregue um país em condições e não falido para que durante 4 anos não estivessemos sobre condições de “prisão” a credores? E porque é que o actual governo reverteu tanta coisa e “se” isto estava tão mau, não reverteu antes de provocar a tragédia? E poruqe é que 4 organismo que dependem da tutela do MAI “epurrarm” as culpas uns para os outros? E porque é que o autor deste artigo, não fez o mesmo quando em 2013 todos os partidos sem excepção pediram também demisssões, mesmo não tendo havido mortes nos incendios? O que deveriam era pedir desculpa ao País e ainda não o fizeram!!!

  11. Talvez fosse bom reler o texto. Não é nada disso que lá está.
    As culpas políticas são de todos os governos nos últimos 40 anos, pelo menos. Culpas pelo que não fizeram e deviam ter feito. No caso vertente a actual ministra recebeu esta floresta e este SIRESP. É demagógico esperar que se faça um reordenamento florestal em menos de dois anos. Quanto ao SIRESP, parece que foi um grandessíssimo barrete, com culpas repartidas pelo centrão político.
    Achar que a demissão da ministra resolve o problema das populações, do SIRESP e da Protecção Civil é demagógico.

  12. Sou um jovem reformado com apenas 70 anos e tenho a presenciado certas pessoas que fazem seus comentários como se trata-se de nada eu vi pessoas a chorar porque ficaram sem os seus haveres sem familiares porque tragicamente faleceram no fogo e parece que tudo isto não passa de um divertimento todos são culpados mas ninguém quer sumir as verdadeiras razões do que aconteceu que foi muito grave, as verdadeiras culpas são dos donos dos terrenos que não fazem as devidas limpezas em segundo foi dos governos que deram por instinto os guardas Florestais em terceiro foi quem começou com a política da plantação dos eucaliptos e me parece que foi o Ministro em 1985 Manuel Barreto em que era governo chefiado por Cavaco Silva, mas de nada vale porque neste País para se fazer alguma coisa primeiro deixam as coisas acontecer e só depois é que faz alguma coisa, agora ouve falhas e graves e quem falhou deve ter coragem de dizer porque falhou e o mais que provável é que se tratou de ser numa aldeia que apenas se lembram quando à eleições, mas como esta aldeia temos muitas mais porque Portugal é apenas Lisboa

  13. Caçar bruxas acho que não. Mas caçar quem disse às pessoas para se enfiarem na estrada 236, acho que sim.

  14. A questão principal será resolver o problema. Ver o que está errado na esperança de tal não voltar a acontecer. O resto é puro folclore.

  15. Se bem tenho entendido, a grande maioria dos mortos foi por asfixia na estrada 236 para onde foram obrigados a seguir pela GNR com as suas viaturas.
    E então ninguém fala na responsabilidade do comando desta arrogante corporação, sempre pronta a afrontar prepotentemente os cidadãos, que encurralou as pessoas na estrada da morte?
    Queremos ver-lhe a cara e saber-lhe o nome.

  16. Estou inteiramente com a Senhora Ministra, que me parece ser uma Pessoa simples mas, digna e que considero estar a ser vitima de uma conspiração politica, de baixo nível da parte do PSD e do CDS.

  17. Todos uma cambada de bestas ! ou de feras! querendo sugar o sangue dos honestos, que se tem esforçado para darem dignidade aos Português e tirarem Portugal do lixo! em que o desgoverno de 4 anos o deixou . Não venham com palavras baratas! que foi O GRANDE SENHOR QUE TODOS ELES invejam ENGENHEIRO JOSÈ SÓCRATES que deixou o Pais na bancarrota! todos sabem, até os que o acusam que é falso! Os abutres do desgoverno sim! tudo comeram e tudo arrasaram! … Lá diz o ditado do povo “Deus não dorme” A verdade das Verdades vai-se saber.

  18. tantos comentários fantasticos, mas lembrem-se caros senhores e senhoras fomos nós que elegemos os governantes dos últimos 40 anos e se quisermos que as “coisas” mudem temos que ser nós a pressionar temos que ser nós a educar os nossos filhos a participar na vida social e politica do país a votarem mesmo quando o tempo está bom para a praia a intervirem sempre algo não esteja bem e não fazerem como a nossa geração que se acomodou á sombra da democracia e deixa os politicos deste país sírem impunes de todas as más decisões que tomam em nosso nome.

  19. A geringonça já está no segundo ano de governo e este é o segundo verão. Quando é que vai assumir responsabilidades? Pelo que leio será quando vier o próximo governo. lol

  20. Se não se tivesse perdido tantas vidas, provavelmente Pedrogão já estaria morto, mas como é necessário a caça as bruxas das oposições ao governo, em vez de fazer oposição construtiva, tentam é denegrir a imagem do mesmo sem olhar a meios.
    Metam a mão ao saco que também em devem ter muita m…a para tirar.

  21. Pois é…a pobre rodeada de tantos tecnocratas que nem o são, está com uma carga emocional nada invejável
    Afinal quem anda com exigências o que é que fez antes…rigorosamente nada!
    O nosso Nerú tem mesmo que arregaçar as mangas e impor-se senão é o descalabro geral…
    Agora para inflamar mais as lutas partidárias além do fogo, as granadas roubadas Resultado de um desmazelo inconcebível…vigilância electrónica desligada, patrulhas aleatórias…do género…ó nosso sargento, é pá não apetece ir ver como estão os paiois, vamos apanhar caracois…torres de vigia desactivadas… é moda, na prisão de onde fugiu um gabirú que tem chamado preta á ministra da justiça isso também tinha acontecido (ela não mudou de cor mas quase…) vedações estragadas, mato rasteiro a suplicar por fogo. Claro o Ministro da Defesa Azeredo “debe”… andar azedo…ele um marechal desfardado terá que ir dizer aos congéneres dos outros países…Desculpem lá…aqui em Portugal não roubam só os cemitérios, nem a distribuição eléctrica das povoações…nem os carris das linhas férreas ,agora depois de umas ameaças em que levaram 50 pistolas da PSP e umas metralhadoras dos Comandos houve um upgrade na actuação..uns safados piraram se com lança roquetes ás dezenas…a gente depois compra mais, não há azar…vejam lá é se tomam previdências para evitar ataques…Aqui os terroristas nem se chateiam, nem vale a pena, anda por aí provavelmente pessoal a arranjar lhes material. Atentados aqui não vão haver…a malta gosta de bola, não faz mal a uma mosca e depois tem uma gastronomia e uns vinhos que até poderiam contagiar os allás que andam para aí nos vossos países, a gente só está é preocupada com Voçês…Eu cá com o Costa aguento-me tenho mais envergadura que a pobre da Urbano, eu vou mesmo sacudir a agua do capote…bom capote não porque nunca fui a tropa…a não ser agora, mas sou advogado…cuidado!

  22. enquanto houver interesses económicos acima dos partidários nada resiste os presidentes de juntas e de camaras são responsaveis em mais de50%dsa situações até nas estradas municipais muitas dela á informaçao que não dá para ver ver por causa das arvores e mato que tapam a visibilidade dos condutores. portanto não venham com tretas que a culpa é toda dos governos ,é pura mentira,,quem aprova casas no meio do mato?é o governo? por aqui me fico

  23. Que idiotice. Ela não é responsabilizada pelo facto da floresta não estar ordenada. Aliás, isso até é da alçada do Ministério da Agricultura. Ela é responsável pela falta de meios e pela incapacidade da Protecção Civil reagir.

  24. O ordenamento florestal precisa de dezenas de anos para ser posto em execução e dar alguns frutos. Mesmo que começássemos agora em força e a sério, daqui por cinquenta anos ainda havia muitas falhas. E eu sempre quero ver qual o governo que vai exigir que se plantem estas espécies e não aquelas e que se abram aceiros com 10 a 20 metros de largura nas regiões de muito pequena propriedade (onde tal aceiro levava logo a totalidade da área de alguns proprietários). Eu gostava de ver!!! … nem às eleições chegava!

  25. Factual é que houve falhas… de anos sem ordenamento florestal, de falta de coragem em obrigarem privados e parte pública a fazerem a limpeza das matas, poupanças cegas na prevenção e combate aos incêndios.
    Mas pergunto, pagam-se sistemas de satélite e drones para controlo de inimigos em cenários de guerra ,para os senhores da guerra brincarem aos soldadinhos , e não há dinheiro para sistemas de controlo de incêndios?

  26. Estou indignado com respostas de alguns cidadoas,?
    Uma das quais Fernada B.P.Madura,descupe mas a sua intrevenção não tem de nada objetivo,em relaçãoa tantas outras com conta peso e medida.
    FlorbelaS.Azevedo Santos uma boa apresiação sobre o conteúdo que
    está a ser feito!
    Lopes da Cunha tem um certo sentido a sua postura,pois independente
    das cores de cada um,a ageringonsa quer queiramos ou não,não resulta neste Governo,ou outro que esteja nas mesmas condições!
    Quero deixar mais uma vez as minhas condolências a todas as famílias
    dos 64/ mortos pelo tão trágico de todos eles.
    Descupem mas tenho que sublinhar um caso,que de Norte a Sul do nosso Pais ocorreu e já lá vão decorridos 1/2 SECULO,e não morreram
    64/ mas milhares e não à uma vós de todos os cuadrantes Políticos
    que levante uma Só Vós de todos os COMBATENTES DA GUERA DAS EX. COLONIAS DE AFRICA..(( Foram abandonados desprezados)) por todos os Poderes POLITICOS!!!!!!

  27. Rita Garriapa, se a pessoa que foi internada ontem tivesse sido esfaqueada, a pessoa que a atendeu ontem só lhe meteu uns pensos por cima, e você hoje encontra-a toda infetada e ela acaba por morrer… A culpa foi sua? :/

  28. Só interesses partidários!!!
    Só Demagogia!!!
    A culpa é sempre de outros!!!!
    Esta gentinha só demonstra COBARDIA sim COBARDIA é o que todos os Políticos tem demonstrado, …já alguém viu ou ouviu um Politico aceitar estar enganado ou ter Errado? NUNCA
    Mas não se pense que isto é só Mal dos Políticos , NÃO.. isto é o mal de TODOS !!! “….a culpa é do Governo ” é sempre o que se diz, pois é mais fácil …. na hora de ir a votos o ” zé ” diz …não vale a pena ..ir lá para quê? é sempre o mesmo. ….. Pois é sempre o mesmo porque somos todos um cambada de ACOMODADOS e de COBARDES
    Está na hora de aceitar os erros para que se possam CORRIGIR mas com TODOS e para Bem de TODOS.

  29. A culpa nao e so dos Governos mas tambem das pessoas que nao repeitam leis e permitem que outros as nao respeitem .Do actual governo a culpa de nao fiscalizar e punir,dos anteriores de nada fazerem e usarem os subsidios da CEE para outros beneficios desnecessarios como por ex.compra de viaturas para os membros do Governo etc.Mas sim se tivermos que atirar culpas na sua maioria sera aos que anteriormente nada fzeram pois em comparacao este Governo com o pouco que fez ou esta a fazer ja e muito comparado com que nao fez nada.O tempo dira se pedimos cabecas ou nao por agora temos de esperar para ver.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s